Quinta, 30 de junho de 2022

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 09/06/2022

Medicina tradicional ganha destaque com lei de autoria de Roberto Cidade

Proposta do deputado institui a “Semana Estadual de Incentivo às Práticas de Medicinas Tradicionais no Estado do Amazonas”

Medicina tradicional ganha destaque com lei de autoria de Roberto Cidade Medicina tradicional ganha destaque com lei de autoria de Roberto Cidade (Foto: Divulgação Assessoria)

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - A medicina tradicional, sua singularidade e os efeitos sobre a população da região ganhou ainda mais visibilidade a partir da Lei 5.056, de autoria do presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado estadual Roberto Cidade (UB), que institui a “Semana Estadual de Incentivo às Práticas de Medicinas Tradicionais no Estado do Amazonas”.

 

Conforme a Organização Mundial da Saúde (OMS), a medicina tradicional pode ser definida como a soma das práticas baseadas em teorias, crenças e experiências de diferentes culturas e tempos, muitas vezes inexplicáveis, utilizadas na manutenção da saúde, assim como na prevenção, diagnóstico, tratamento e melhora de enfermidades.

 

“A medicina tradicional, algumas décadas atrás, era a única forma de tratamento conhecida e, apesar disso, ela ainda não é tão valorizada como merecia. Minha intenção com essa lei é dar mais visibilidade ao que ela ainda hoje nos proporciona, principalmente aqui na nossa região, e fazer com que a medicina tradicional continue a ser conhecida, que esta e as futuras gerações possam entender e difundir esse grande tesouro que nós possuímos. É importante buscarmos meios de valorizar nossas riquezas e o conhecimento sobre elas, ao meu ver, é o principal instrumento”, afirmou.

 

De acordo com a lei, a “Semana Estadual de Incentivo às Práticas de Medicinas Tradicionais” deve ser promovida, anualmente, em setembro, com o intuito de estimular atividades de promoção e divulgação por meio de palestras, cursos e outras ações que contribuam com o tema.

 

Medicina chinesa

Além da medicina tradicional regional, Cidade chama atenção com a lei sobre as práticas da medicina chinesa e os benefícios quanto à melhoria na qualidade de vida e saúde da população.

 

A Organização Mundial de Saúde (OMS) reconhece a medicina tradicional chinesa válida no tratamento de tendinites, reumatismo, ciática, artrites; enxaquecas, dor cervical, dor lomba, bronquite, rinite, sinusite, asma, gripe; depressão, ansiedade, stress, insônia, entre outras.

Sobe Catracas

JENDER LOBATO, presidente do boi Caprichoso

Boi Caprichoso sagrou-se campeão do Festival Folclórico de Parintins 2022, vencendo rival por 8 décimos

Desce Catracas

ANTÔNIO ANDRADE, presidente do Boi Garantido

Boi Garantido perde o Festival de Parintins e enfrenta crise com debandada de levantadores