Sexta, 27 de maio de 2022

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 26/01/2022

Parintins suspende eventos, fecha boates e bares funcionarão até meia noite, com 50% da capacidade

Prefeito de Parintins publica novo decreto de restrições por 30 dias, para conter avanço da covid; Veja como fica o funcionamento dos demais estabelecimentos

Parintins suspende eventos, fecha boates e bares funcionarão até meia noite, com 50% da capacidade Parintins, Amazonas ( foto Yuri Pinheiro)

DEAMAZÔNIA PARINTINS, AM - Para conter o avanço da variante Ômicron da Covid-19 no município, a Prefeitura de Parintins ( a 325 quilômetros de Manaus) adota a partir desta quarta-feira, 26 de janeiro, uma série de medidas restritivas no município.

 

As medidas têm validade de 30 dias e estão dispostas no Decreto Municipal Nº 023/2022-PGMP assinado pelo prefeito Bi Garcia.

 

Conforme o decreto clubes, boates, conveniências, bares, botecos, restaurantes, lanchonetes, pizzarias e similares, poderão funcionar até a meia-noite, com capacidade de 50% de público.

 

A Venda de bebidas e refeições estão permitidos em sistema de delivery a partir das 00h, com a devida identificação dos trabalhadores.

 

O decreto municipal também limita a capacidade de 50% de público em academias, centros de treinamento, salões de beleza, clínicas de estética, parques aquáticos, clubes recreativos e outros estabelecimentos privados que podem ocasionar aglomeração de pessoas.

 

A realização de eventos públicos e privados, além de festas dançantes em boates, clubes e casas de shows ficam proibidos.

 

O descumprimento das medidas adotadas gerará multa administrativa de R$ 2 mil. Em caso de reincidência, o valor chega a R$ 20 mil.

 

Drogarias, farmácias e postos de gasolina seguem com permissão de funcionamento 24h.

 

As medidas atendem Recomendação do Ministério Público.

 

BOLETIM DA COVID NO AMAZONAS, divulgado pela FVS/AM, nesta terça-feira (25.01.2022)

A capital, Manaus, tem 2.651 novos casos confirmados. No interior, os 53 municípios que têm casos novos registrados são: Itacoatiara (367), Humaitá (226), Maués (222), Manacapuru (209), São Gabriel da Cachoeira (191), Iranduba (187), Boca do Acre (174), São Paulo de Olivença (149), Lábrea (143), Alvarães (135), Barreirinha (122), Tabatinga (122), Novo Airão (120), Rio Preto da Eva (120), Manicoré (118), Borba (112), Parintins (109), Atalaia do Norte (107), Careiro (100), Presidente Figueiredo (100), Barcelos (98), Coari (97), Anori (96), Uarini (82), Silves (78), Autazes (72), São Sebastião do Uatumã (65), Japurá (64), Novo Aripuanã (64), Maraã (55), Tefé (54), Codajás (52), Benjamin Constant (49), Urucará (49), Careiro da Várzea (46), Jutaí (46), Nhamundá (46), Nova Olinda do Norte (46), Tonantins (46), Canutama (45), Carauari (45), Itapiranga (44), Manaquiri (42), Tapauá (41), Beruri (26), Boa Vista do Ramos (26), Eirunepé (21), Santa Isabel do Rio Negro (20), Caapiranga (18), Apuí (10), Guajará (3), Envira (2) e Pauini (2).

LEIA O DECRETO MUNICIPAL -

Decreto 23/2022 PGMP - Medidas de Prevenção e Controle para Conter Disseminação da Covid-19

Sobe Catracas

GLAUCIVAN SILVA, artista plástico

Foi o vencedor do concurso do Cartaz Oficial do Festival de Parintins 2022

Desce Catracas

JAIR SOUTO, prefeito de Manaquiri (AM)

Grupo de 52 prefeitos, dos 62 chefes de Executivo, esvaziou Associação de Municípios Amazonenses, que ele presidia, e criou outra entidade