Quarta, 27 de outubro de 2021

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 20/09/2021

Setembro Amarelo: Mês de prevenção ao suicídio e valorização da vida

Em Manaus, a Semsa tem registrado 8.522 atendimentos relacionados à ansiedade, depressão e alterações do sono no ano de 2020

Setembro Amarelo: Mês de prevenção ao suicídio e valorização da vida Setembro Amarelo: Mês de prevenção ao suicídio e valorização da vida

ESPECIAL PUBLICITÁRIO

MANAUS, AM - O tema é delicado e exige a reflexão.

 

Você sabia que a cada quatro segundos uma pessoa no mundo comete suicídio? Os dados são da Organização Mundial da Saúde (OMS) e correspondem a 800 mil mortes por ano, sendo superiores aos óbitos por malária e câncer de mama.

 

A preocupação com a saúde mental da população é um tema global. E em Manaus, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) tem registrado 8.522 atendimentos relacionados à ansiedade, depressão e alterações do sono no ano de 2020. Os números representam um aumento de 171% nos atendimentos relacionados ao ano de 2019. Em 2021, de janeiro a junho, já são 7.111 atendimentos de usuários com sinais de depressão e alterações do sono.

 

Importante lembrar que os números de hoje são reflexos do cenário da pandemia de Covid-19, em virtude das perdas e do isolamento social, além da crise econômica em muitos lares e empresas. Muito além disso, agora o alerta ocorre para que se lance, principalmente, o olhar entre os mais jovens. É que segundo a OMS na faixa etária de 15 a 24 anos, o suicídio é a segunda principal causa de morte, depois de acidentes de carro.

 

Para despertar a atenção de todos sobre a problemática, a Prefeitura de Manaus lançou este mês nas redes sociais dentro da mobilização do Setembro Amarelo campanha para alertar sobre a existência também de depressão na infância e adolescência, chamando a atenção da família e da escola para um olhar a mais sobre este público.

 

É importante reforçar o acompanhamento e agir. Se você ou alguém que você conheça está precisando de apoio emocional, ligue para 188. O telefone está disponível 24h para dar apoio a quem precisa.

 

Confira também a relação de unidades municipais de assistência psicossocial:

  • CAPS 3 Benjamim Matias Fernandes (adultos com transtornos mentais graves e persistentes)

Av. Maneca Marques, nº 1916 – Parque 10 de novembro

Telefone: 98842-7414

Acolhimento (atendimentos de primeira vez): segunda a sexta 8h às 18h

 

  • CAPS AD 3 Dr. Afrânio Soares (adultos com problemas decorrentes do uso abusivo de álcool e outras drogas)

Av. Ephigênio Sales, nº 5, Conjunto Jardim Espanha – Aleixo

Telefone: 98842-6663

Acolhimento (atendimentos de primeira vez): segunda a sexta 8h às 18h

 

  • CAPS Infantojuvenil Leste (crianças e adolescentes com problemas decorrentes do uso de álcool e outras drogas e/ou com transtornos mentais e/ou autismo)

Av. Adolfo Ducke, nº1.221, Conjunto Acariquara - Coroado

Telefone: 98842-4272

Funcionamento: segunda a sexta-feira, 7h às 17h

 

  • CAPS Sul (crianças e adolescentes com problemas decorrentes do uso de álcool e outras drogas e/ou com transtornos mentais e/ou autismo)

Rua Santa Catarina, 03- Parque das Laranjeiras

Telefone: 98842-5899

 

Unidades que dispõem de atendimento psicológico, que funcionam com agendamento prévio:

  • Policlínica Dr. José Antônio da Silva,

Rua Aroeira, 55 - Monte das Oliveiras

  • Policlínica Ana Barreto

Av. Grande Circular, 1665- Monte Sião

  • Policlínica Castelo Branco

Rua do Comércio, 42 - Parque Dez

  • Policlínica Comte Telles

Rua J, Etapa B, s/n - São José 2

  • Policlínica Djalma Batista

Rua 23 de Dezembro, s/s - Compensa 3

Sobe Catracas

MÁRIO FLÁVIO NOVO JR, designer e empreendedor

Software de gestão para automatizar tarefas nas áreas de gestão fiscal e financeira, criado pelo parintinense, ganha destaque nacional e faz sucesso em bares e restaurantes

Desce Catracas

WILLIAM FONSECA, prefeito de Oriximiná (PA)

Teve o mandato cassado pela Câmara de Vereadores, acusado de contratar 1,5 mil servidores temporários, sem processo seletivo