Terça, 18 de maio de 2021

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 16/04/2021

Jota Carlos Portilho morre de covid-19, em São Paulo

O bancário e compositor de toadas clássicas do Caprichoso, Jota Carlos lutava contra o vírus, desde fevereiro

 Jota Carlos Portilho morre de covid-19, em São Paulo Morre em São Paulo Jota Carlos Portilho

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - O bancário e compositor do boi Caprichoso, Jota Carlos Portilho, morreu vítima de covid-19 na noite desta sexta-feira (16), em São Paulo.

 

A informação foi confirmada pela família com uma postagem na rede social. 

 

Jota Carlos sentiu sintomas, em Manaus, no dia 23 de fevereiro e no dia 25 viajou para São Paulo, onde desde então lutava contra a doença.   

 

Autor de toadas clássicas do Caprichoso e da canção “ Aos amigos do Peito”, bantante conhecida em Parintins, a perda do compositor deixa em luto o Festival. 

 

Natural de Parintins, Jota Carlos Portilho era funcionário de carreira do Banco do Brasil.

  

Sobe Catracas

DOMINGOS CHALUB, presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas

TJAM faz história ao ficar acima da 'média Brasil', em relação às Metas Nacionais do CNJ no ano de 2020

Desce Catracas

BETO D'ÂNGELO, prefeito de Manacapuru (AM)

MP/AM abriu um inquérito contra a Prefeitura para investigar suposta apropriação dos valores do Fundo Previdenciário Municipal