Terça, 18 de maio de 2021

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 16/04/2021

Amazonas recebe 182.650 novas doses de vacinas contra a Covid-19

Esta é a terceira maior remessa de imunizantes recebida pelo Estado

Amazonas recebe 182.650 novas doses de vacinas contra a Covid-19 Amazonas recebe 182.650 novas doses de vacinas contra a Covid-19 (Foto: Herick Pereira/Secom)

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - O Governo do Amazonas recebeu, na madrugada desta sexta-feira (16/04), a 13ª remessa de vacinas contra a Covid-19 enviadas pelo Ministério da Saúde (MS), por meio do Programa Nacional de Imunização (PNI).

 

O lote recém-chegado a Manaus conta com um total de 182.650 doses dos imunizantes CoronaVac, fabricado pelo Instituto Butantan, e AstraZeneca, produzido pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Esta é a terceira maior remessa de vacinas já recebida pelo Estado.

 

A remessa foi trazida à capital amazonense em uma aeronave modelo Airbus-A321, no voo comercial 3185 da empresa Latam, e desembarcada por volta de 0h20 no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes. A carga conta com 30.400 doses da vacina CoronaVac e 152.250 doses da vacina AstraZeneca, segunda maior remessa do imunizante da Fiocruz recebido pelo Amazonas.

 

De acordo com o 11º Informe Técnico relativo à 13ª Pauta de Distribuição, emitido pelo Ministério da Saúde (MS) na quarta-feira (14/04), a nova remessa deverá atender a segunda dose de trabalhadores da saúde e da população de 65 a 69 anos.

 

O informe ainda ressalta que, adicionalmente, também serão distribuídas a primeira dose para trabalhadores da saúde, idosos de 60 a 69 anos, profissionais das Forças Armadas e forças de segurança e salvamento.

 

Após o desembarque, as doses foram escoltadas pela Polícia Federal até as câmaras frias instaladas na Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), onde foram contabilizadas e armazenadas. A partir deste final de semana, as prefeituras municipais poderão agendar para receber os imunizantes diretamente na fundação.

 

“A gente tem a missão de vacinar toda a população que está como grupo prioritário. É importante também fazer um apelo à população para que ela busque a segunda dose. A primeira dose não garante a imunidade completa, então é importante a segunda dose. Com essa carga de vacina a gente vai ampliar o alcance e garantir essa segunda dose”, explica o chefe de Departamento de Vigilância Ambiental (DVA) da FVS-AM, Elder Figueira.

 

Vacinômetro

Dados parciais do Programa Nacional de Imunização, da FVS-AM (PNI/FVS-AM), apontam que 705.357 doses foram aplicadas em todo o estado até esta quinta-feira (15/04), sendo 521.033 de primeira dose e 184.324 de segunda dose. A informação está disponível no site da FVS-AM por meio do link https://bit.ly/3aTsndS.

 

Até o momento, os três municípios do estado que mais aplicaram doses da vacina, segundo o levantamento, são Manaus (369.161), São Gabriel da Cachoeira (21.841) e Tabatinga (19.627).

 

Ação

O Governo do Estado está realizando uma ação de fortalecimento para municípios do interior que apresentam dificuldades na cobertura vacinal contra a Covid-19. Uma das visitas técnicas ocorreu nesta quarta-feira (14/04), no município de Iranduba (a 27 quilômetros de Manaus), que apresenta um dos menores índices de cobertura vacinal dos grupos prioritários.

 

A medida, coordenada pela FVS-AM, em parceria com a Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), deve percorrer outros 19 municípios.

 

Além do interior do estado, o apoio do Governo também será ampliado em Manaus. Serão cedidos à Prefeitura da capital cerca de 30 profissionais para compor a equipe de vacinadores. Em janeiro, a SES-AM já havia cedido 16 profissionais para apoiar a Prefeitura de Manaus no trabalho de imunização.

Sobe Catracas

DOMINGOS CHALUB, presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas

TJAM faz história ao ficar acima da 'média Brasil', em relação às Metas Nacionais do CNJ no ano de 2020

Desce Catracas

BETO D'ÂNGELO, prefeito de Manacapuru (AM)

MP/AM abriu um inquérito contra a Prefeitura para investigar suposta apropriação dos valores do Fundo Previdenciário Municipal