Terça, 18 de maio de 2021

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 09/04/2021

Vacinação contra Covid-19 atinge 67% da meta em profissionais da segurança em Manaus

Esta sexta (9), foi o dia com recorde de pessoas imunizadas desde o início da campanha, com 506 agentes da segurança

Vacinação contra Covid-19 atinge 67% da meta em profissionais da segurança em Manaus Vacinação contra Covid-19 atinge 67% da meta em profissionais da segurança em Manaus (Foto Pelegrine Neto / SSP-AM)

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - Em onze dias de campanha, a vacinação contra a Covid-19 destinada aos profissionais da segurança pública do Amazonas atingiu 67% da meta de doses disponíveis. Nesta sexta-feira (09/04), foi o dia com recorde de pessoas imunizadas desde o início da campanha, com 506 agentes da segurança.

 

Conforme dados da Fundação de Vigilância em Saúde (FVS-AM), a campanha já alcançou 3.352 servidores públicos, entre policiais militares, policiais civis, bombeiros, agentes do Departamento Estadual de Trânsito e da Defesa Civil, peritos, legistas, além de policiais federais e rodoviários federais.

 

A vacinação foi idealizada pelo governador Wilson Lima e autorizada pela Justiça Federal. Estão sendo utilizadas doses da CoronaVac e da AstraZeneca, referentes à reserva técnica de 5%, o que não interfere no calendário regular de vacinação. Neste momento, estão sendo vacinados os profissionais da capital. Conforme decisão judicial, devem ser imunizadas 5 mil profissionais do setor.

 

Vacinação do grupo prioritário de Segurança Pública e Salvamento

Fonte: FVS-AM

Período: 28/03 a 09/04/2021

 

Detran-AM: 27

Polícia Militar: 2.225

Polícia Rodoviária Federal: 75

Polícia Civil: 669

Polícia Federal: 59

Bombeiros: 284

Defesa Civil: 13

 

Sobe Catracas

DOMINGOS CHALUB, presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas

TJAM faz história ao ficar acima da 'média Brasil', em relação às Metas Nacionais do CNJ no ano de 2020

Desce Catracas

BETO D'ÂNGELO, prefeito de Manacapuru (AM)

MP/AM abriu um inquérito contra a Prefeitura para investigar suposta apropriação dos valores do Fundo Previdenciário Municipal