Domingo, 11 de abril de 2021

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 12/03/2021

Anvisa aprova uso do primeiro medicamento para tratar pacientes com Covid-19

Também nesta sexta-feira (12), a Anvisa concedeu o registro definitivo para a vacina da Universidade de Oxford/AstraZeneca

Anvisa aprova uso do primeiro medicamento para tratar pacientes com Covid-19 (Foto: Reprodução/ICTQ)

BRASÍLIA - A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou o uso do Remdesivir contra a covid-19, sendo o primeiro medicamento antiviral a ter recomendação em bula para pacientes com o novo coronavírus.

 

Também nesta sexta, a Anvisa concedeu o registro definitivo para a vacina da Universidade de Oxford/AstraZeneca. Dessa forma, a vacina está liberada para ser utilizada na população em geral.

 

Raphael Sanchez, especialista da gerência de qualidade de medicamentos da Anvisa, afirmou que que, ao contrário das vacinas, o Remdesivir não fez uso da submissão contínua no processo de autorização de uso.

 

"A submissão se deu em 6 de agosto de 2020, quando tivemos contato com o dossiê completo. Depois da submissão, também tivemos algumas conversas para entender melhor pois é um medicamento desenvolvido com bastante celeridade e muitos aspectos ainda não estão fechados", explicou.

Sobe Catracas

SHOGO SHIMA, estudante

Amazonense de 18 anos gabaritou prova de Matemática e Suas Tecnologias ao acertar as 45 questões no Enem 2020

Desce Catracas

JACIARA PICANÇO, vice-prefeita de Terra Santa (PA)

Vice-prefeita e mais quatro servidores municipais e ex-servidores tiveram bens bloqueados pela Justiça no total de R$ 1 milhão, por licitação irregular na saúde entre os anos de 2011 a 2015