Terça, 18 de maio de 2021

DeAmazônia

MENU
Atualizado em 12/09/2016

Silas apresenta propostas às lideranças empresariais

Silas apresenta propostas às lideranças empresariais (Fotos: Márcio Silva)

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM - Segurança pública, empreendedorismo e mobilidade urbana foram alguns dos temas tratados pela Coligação Somos Todos Manaus no 2º ciclo de debates com os candidatos à Prefeitura de Manaus, promovido pela Ação Empresarial. O evento aconteceu na sede da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Amazonas (Faea), no Centro de Manaus. A Coligação Somos Todos Manaus é liderada pelo candidato a prefeito, Silas Câmara (PRB), e pelo vice, coronel Amadeu (PSC).

 

Além da FAEA, compõem a Ação Empresarial as entidades de classe da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (FIEAM), Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Amazonas (Fecomercio), Associação Comercial do Amazonas (Aca) e o Centro da Indústria do Estado do Amazonas (Cieam).

 

 

Sobre segurança pública, a coligação Somos Todos Manaus falou com propriedade, pois o vice, coronel Amadeu, foi o responsável pela implantação do Programa Ronda no Bairro, que derrubou os índices de violência em Manaus há cerca de seis anos. Agora, Silas e Amadeu vão incluir a prefeitura para auxiliar o governo do Estado nesta área, com o Programa Ronda Comunitária.

 

“Vamos fortalecer a Guarda Municipal, aperfeiçoar o treinamento e ampliar o efetivo. Eles vão vigiar os prédios públicos, mas vão circular no quarteirão e manter contato com os policiais. As câmeras de segurança serão integradas com o Centro Integrado de Comando e Controle e assim poderemos efetivamente aumentar a segurança das pessoas”, explicou Amadeu.

 

 

Sobre transparência, a ideia é descentralizar o poder em quatro subprefeituras que serão avaliadas constantemente pelos conselhos comunitários. "Pelo tamanho que Manaus tem, já era para se ter subprefeituras. Vamos instituir quatro: Norte, Sul, Leste e Oeste. Vamos diminuir o máximo possível a atividade meio e fortalecer a atividade fim", assegurou, indicando que a meta é empoderar a população no processo decisório, promovendo a avaliação mensal dos serviços das subprefeituras com reuniões nos Conselhos Comunitários.

 

"A prefeitura anterior arrecadou R$ 9 bilhões e fez bastante. A atual disse que não fez porque não teve dinheiro e arrecadou R$ 14 bilhões. Portanto, praticamente cinco bilhões a mais e a cidade está aí cheia de desafios. Manaus é uma das poucas capitais brasileiras que teve acréscimo bastante significativo na arrecadação", completou.

 

Questionado sobre qual sistema será utilizado na sua gestão na prefeitura, o plano de governo, já registrado no Tribunal Regional Eleitoral (TRE), contempla a implantação da maneira correta o Bus Rapid Transit (também conhecido como BRT).

 

“Os ônibus terão um corredor exclusivo bem feito, que vai funcionar corretamente e não da maneira como está aí. Semáforos inteligentes também darão velocidade ao deslocamento. Mas o mais importante, transparência total na planilha para a população saber de verdade quanto custa a tarifa e melhorar a segurança tanto nos ônibus quanto nos terminais”, finalizou.

 

 

 

 

Multidão em caminhadas

 

Na manhã deste domingo (11), os candidatos Silas Câmara e coronel Amadeu reuniram multidões em caminhadas no Centro de Manaus e no Santo Agostinho. Ainda na zona oeste da capital, os candidatos apresentaram o plano de governo em reunião com lideranças.

 

Tags:

Sobe Catracas

DOMINGOS CHALUB, presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas

TJAM faz história ao ficar acima da 'média Brasil', em relação às Metas Nacionais do CNJ no ano de 2020

Desce Catracas

BETO D'ÂNGELO, prefeito de Manacapuru (AM)

MP/AM abriu um inquérito contra a Prefeitura para investigar suposta apropriação dos valores do Fundo Previdenciário Municipal